Mudar para o Canadá sozinho

Foto: Daniel Caminhas
Foto: Daniel Caminhas

 

Se para alguns a ideia de tentar a vida em outro país levando a família parece loucura, nem se fala quando a vontade é de partir sozinho. Quando o meu planejamento de mudar para o Canadá deixou de ser apenas um plano distante e começou a ganhar contornos reais, perceber que a maioria das pessoas que estão traçando o mesmo caminho, mas com a companhia do esposa ou marido, além dos filhos, não foi fácil.

Para quem está no mesmo barco que eu, tenho certeza que passou pelas mesmas duas etapas para digerir o que tinha acabado de constatar.

Solidão: comecei a ficar angustiada porque, por mais que eu pesquisasse na internet em geral e nos grupos do facebook sobre o Canadá, não consegui encontrar ninguém na mesma situação. E agora? Será que eu dou conta? Acho que não…

Vontade de desistir: automaticamente fiquei com aquela sensação de que ir sozinha para o Canadá já não era uma boa ideia e de que eu não daria conta mesmo. Melhor ficar no Brasil mesmo e no futuro, quem sabe, encontrar alguém que compartilhe da mesma vontade de mudar. Ou melhor, deixa pra lá.

A explicação para esses sentimentos é muito simples. Nós, como seres acostumados em viver em sociedade, nos sentimos muito mais a vontade quando estamos perto de pessoas que se parecem com a gente, seja na forma de se vestir, pensar. ou viver. Quando você frequenta um lugar que não tem absolutamente nada a ver com a sua personalidade, é mais do que normal se fechar no seu mundo particular ou querer sair correndo o mais rápido possível daquele local. Logo, a ideia de que tem alguém no mundo que está passando pela mesma situação dá enorme sensação de conforto.

A essa altura, você ainda está de cabeça baixa, se sentindo inseguro. Mas é um sentimento passageiro. Não demora muito para você se encher de ânimo com o projeto de mudar e lembrar que sempre vai ter alguém na mesma situação.

S E M P R E. E mesmo se não tiver, só de ter cogitado a ideia de viajar sozinho já é um ótimo indício de que você vai dar conta de se reinventar no novo lugar, fazer novos amigos, conhecer pessoas que se tornarão o que você tem de mais próximo de uma figura familiar. Então, se joga e vai.

Vai ser fácil? Provavelmente, não. Seria mais fácil se fosse pra ir junto com alguém que você já tem intimidade e confiança? Certamente, sim. No meio desse processo vai ser mais do que normal passar por momentos de insegurança e de entusiasmo, mas essa regra também vale até pra quem vai acompanhado. Afinal, não estamos falando de uma mudança de bairro.

PS: Logo depois de eu chegar a todas essas conclusões, encontrei no grupo “SOS vistos e imigração para o Canadá” o post da Mariana Almeida (clique na lupa de pesquisa do grupo e digite o nome dela que você achará o post facilmente), que questionava exatamente o que discuti nesse texto. Para a minha surpresa, várias mulheres relataram que têm o interesse de ir e, muitas delas, já estão no Canadá ou prestes a ir, como é o meu caso. 🙂

Não deixe que o fato de você querer ir sozinha(o) seja o motivo que te faça desistir.

Se você que está lendo esse post estiver pensando em ir para Vancouver, assim como eu, ou qualquer outra cidade, poste um comentário, para que mais pessoas que estão indo sozinhas possam se sentir mais seguras. Melhor ainda: que tal entrar em contato com essa pessoa a fim de já conhecer alguém que vai para o mesmo lugar que você? 🙂

Anúncios

25 comentários sobre “Mudar para o Canadá sozinho

  1. Ai Deus!!!!
    Post acabou de resumir meus últimos 3 meses. Já estava entrando na fase do desistir.
    Acabei de achar seu blog no google, vou dar uma lida nele todo mas já me deu uma aliviada só de ler esse post.

    Curtir

    1. Que bom, Bella. Fico muito feliz de ter ajudado um pouquinho. O meu blog só está no começo, mas em agosto viajo para Vancouver e vou publicar muita coisa. Você está pensando em ir pra Vancouver? Se sim, vamos manter contato. 🙂
      Bjs

      Curtir

  2. Oi, Bruna!
    Estou indo para Vancouver em novembro. Vou usar minhas férias para passar um mês na cidade e fazer um intercâmbio rápido. Gostei muito do seu primeiro blog. Deu para ter uma boa noção do que esperar neste tempo fora. Penso em futuramente imigrar para o Canadá. Enquanto isso não acontece quero melhor meu inglês. Coloquei como objetivo a prova do IETLS, lembrando que já possuo um nível intermediário do idioma. Gostaria de ficar mais tempo, porém por questões profissionais só poderei permanecer por um mês mesmo. Espero que eu consiga alcançar o objetivo traçado. Parabéns pelo novo blog!!! Acredito que tirarei várias dúvidas aqui. Abraço!

    Curtir

    1. Oi, Katarina.
      Muito obrigada, fico feliz em saber que estou conseguindo ajudar. Ainda pretendo fazer alguns posts sobre inglês/ielts com algumas dicas.
      Espero que você goste de Vancouver, mesmo já pegando um período mais frio. Precisando de alguma coisa, é só falar.
      Abraço

      Curtir

  3. Olá! Meu nome é Lássara, estou há 6 meses com meu projeto Canadá. Embarco em março. Vou sozinha na fé! Acho legal nos ajudarmos mas é essencial acreditar na realização dos sonhos.
    Solidão a gente sente até do lado de alguém, fácil não será mas tenho certeza que será recompensador.
    Um beijo, quero manter contato!

    Curtir

  4. Que bom encontrar vcs, estou com planos de ir para Cánada , pesquisando bastante e vejo sempre imigração por casais , famílias … E me sentia um pouco perdida de ir só , mas no fundo confiante do que quero e ciente dos desafios …. Não podemos olhar par situação , mas para nossos objetivos … Gostaria de ter contatos para saber mais como seria imigrar sozinha, ao chegar no país , moradia , trabalho … Aguardo retorno , abraço a tds

    Curtir

    1. Oi, Fernanda. Peço desculpas pela demora, a sua mensagem passou batido, rs.
      Imigrar sozinha requer um investimento financeiro maior, já que você não tem com quem dividir gastos. Quanto à moradia, é bem fácil encontrar casas e apartamentos para dividir com outras pessoas.
      Se você vier como estudante, o lado ruim de vir sozinha é que vc vai poder trabalhar apenas 20h por semana, logo, não vai conseguir guardar dinheiro e nem ter muitas mordomias, o que seria diferente se vc tivesse um parceiro q poderia trabalhar quantas horas quisesse.
      Precisando de alguma coisa é só falar.
      Abs

      Curtir

  5. Olá sou a Jessica!
    Acabei de ver seu blog, faz uns meses que já estou com o plano Canadá em mente.
    Já morei nos E.U.A, cresci lá na verdade, fui quando era criança com minha família.
    Se eu pudesse eu iria hoje pro Canadá, tenho pesquisado bastante, o meu problema hoje é a falta de dinheiro pra imigrar. Vou ter que esperar na marra! Rsrs
    Achei bem legal esse assunto abordado, pois eu também vou sozinha, e dá receio mesmo, não pelas dificuldades, mas por não ter contato com ninguém aí.
    Sucesso pra ti. Um abraço.

    Curtir

  6. Olá, pelo visto cheguei com um ano de defasagem do post, mas gostaria de saber da Bruna e demais “meninas” como foi ou está sendo a experiência.
    Por todos (e mais alguns) itens postados, me enpolgo e depois adio o projeto Canadá, mas sinto q chegou a hora de tomar uma ação. Estou na fase da busca por emprego e “estudar” como seria levar meu cachorrinho.
    Agradeço se puderem compartilhar suas experiências atuais!

    Curtir

    1. Oi, Adriana!
      Levar o cachorro não será problema, principalmente se ele for pequenininho, aí dá até pra ir com você no avião.
      Vou fazer uma atualização sobre morar sozinho no Canadá, mas já te adianto que em alguns momentos têm sido bem difícil.

      Curtir

  7. Olá! Boa tarde! Me chamo Amanda e estou passando por isso, estou em fase de planejamento e muita pesquisa, tenho em mente um ano e Meio, porém pode ser que vá antes, ou depois não sei ao certo! Tenho muitas dúvidas, eu estou namorando, mas eu tenho certeza que o meu namorado não vai querer ir, então estou fazendo planos ou seja planejando ir sozinha! Quero recomeçar, trabalhar e ter minha vida no Canadá! Gostaria de fazer amizade com pessoas que tbm estejam planejando…

    Curtir

  8. Não ache que homem também não sente esta insegurança. Estou na mesma situação rsrs. Mas como você mesma disse: sempre haverá alguém na mesma situação! O segredo é não desistir. Vamos que vamos!!

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s